O que está causando a queda do bitcoin?

A criptomoeda mais famosa do mercado está atravessando alguns momentos bastante conturbados. Nesse caso, o motivo de preocupação é a constante queda do bitcoin pelo mundo.

Nesse artigo vamos te explicar com calma o que pode estar gerando essa instabilidade do valor da criptomoeda. Além disso, vamos repassar um pouco do panorama do que esperar no futuro.


A queda do bitcoin

Não é de hoje que a criptomoeda mais conhecida no mundo está operando em valores abaixo do seu valor normal de mercado. Entretanto, a queda ocorrida na manhã do domingo, dia 20 de fevereiro, chamou a atenção.


A maior causa de toda essa confusão no mercado cripto é a grande crise entre Rússia e Ucrânia nos últimos dias. Além disso, não só a notícia de guerra, mas o fato de estarem ocorrendo incidentes pesados acaba afetando ainda mais o valor de mercado.

Por conta disso, Emmanuel Macron, presidente Francês, se colocou a frente de diversos embates na discussão. Um deles, o uso da rede blockchain.


A rede blockchain mais afetada foi exatamente a do bitcoin, pois o presidente optou por fazer uso de suas moedas digitais para tentar um cessar fogo. Ou seja, o mercado passou a seguir o que está acontecendo no mundo real, e não consegue se manter estável em um cenário como esse.


Os outros investimentos crescem na briga

Com toda essa situação, naturalmente uma boa parte do publico começa a considerar a ideia de investir em outros lugares. Assim, acaba deixando ainda mais fraca a cordo bitcoin.

Atualmente, o investimento considerado mais seguro do mundo é o Tesouro americano, principalmente com o valor alto dos juros no mercado. Ou seja, investimentos arriscados passam a não ser vistos com bons olhos.


Seguindo a lógica, tanto a bolsa de valores quanto moedas digitais não devem conseguir uma recuperação rápida, ou muito positiva agora. Afinal, estão nas mãos de um conflito internacional que parece distante de ter um ponto final.


O que acontece hoje é um movimento de migração, dos investidores em criptomoedas para investidores do tesouro americano. Dessa forma, se manter no mercado de bitcoin hoje é mais arriscado do que nunca.


Tesouro americano é mundialmente conhecido exatamente por sua segurança de investimento. Assim, apesar de ter uma rentabilidade menor, muitas pessoas optam por ele exatamente para não passar por situações inesperadas como a que ocorre agora.

Ou seja, no fundo, para esse modelo de investimento o cenário não poderia ser mais favorável.


O que esperar no futuro

Todo o conflito envolvendo Rússia e Ucrânia ainda está longe do fim, mas para o mercado de criptomoedas pode estar perto de uma pausa. Em março, vai ocorrer mais uma reunião na tentativa de apaziguamento.


Assim, o mercado tende mais uma vez a reagir ao resultado dessa reunião. Se o resultado foi pelo menos um tempo de paz entre ambos, tudo indica que o bitcoin volte a se estabilizar em algumas semanas.


Entretanto, se o resultado não for bom, as expectativas para a criptomoeda são menores ainda. Além disso, as criptomoedas atualmente vivem seu embate pessoal: regularização.

Os Estados Unidos saíram na frente e divulgaram que durante a próxima semana devem soltar o seu veredito sobre a regulamentação. E se você quiser saber mais sobre como anda esse tema no nosso país, pode conferir nosso artigo específico sobre o caso.


A regulamentação no Brasil também um ponto importante em todo esse cenário mundial. Afinal, estamos falando de diversos países correndo para prestar o serviço de regulamentação. No final, pode acabar ajudando o bitcoin a se reestabelecer.


Adquira suas criptomoedas e mantenha elas salvas no Trezor, pois é a carteira de criptomoedas offline mais confiável do mercado. A Brazil Electronics tem estoque com entrega imediata no Brasil, não confie nas Exchange online.

...